Posted by on Apr 14, 2013 in Featured, Talks | 8 comments

Olá pessoal, tudo bom? Começo de Abril retornei ao Rio de Janeiro de uma viagem de 10 dias da terra do Tio Sam.

O motivo da viagem como muitos sabem, foi ter sido convidado para palestrar em um dos maiores eventos de desenvolvimento do mundo, o http://html5devconf.com. Eu e Zeno fomos os únicos brasileiros que palestraram lá, e tivemos a responsabilidade de levar o nome do Brasil para San Francisco.

Chegamos de viagem na sexta-feira dia 29, e foram 3 dias tensos, pois não me sentia confiante ainda em dar minha primeira palestra em ingles, mas com boas vibrações vindo do Brasil e com grandes amigos lá comigo como Ciro, Giovanni, Juarez, Leo Balter, Michael e Zeno, não tinha como dar errado.

O Evento

O evento era num hotel luxuosíssimo, na famosa Market Street com a Montgomery, e estava lotado, o que me trazia apreensão sobre conseguir impor meu estilo conhecido aqui no Brasil em outro idioma. A palestra do Zeno era de manhã e a minha na parte da tarde, as horas se aproximavam e cada vez ficava mais pensativo.

As palestras do horário da manhã não foram tão animadoras para mim, vi muitos slides sem graça, nenhuma apresentação divertida ou animada, até chegar a palestra do Zeno sobre Augmented Reality. Foi alto nível, seja de experimentos, slides, gracejo na medida certa, o Zeno deu um show a parte, inclusive entrando no palco para palestrar com uma GoPro na cabeça.. Brasil neles! Ponto para o Zeno que fez uma palestra impecável. Nos aplausos eu travei com o pensamento “Putz, agora só falta eu!”

Slides já estavam prontos, experimentos já preparados e testados, já tinha feito mais de 8 ensaios (Sério! Mais de 8 ensaios), mas ainda sentia que faltava um último ensaio. No corredor de um dos andares do hotel do evento, faltando 20 minutos para minha palestra, sentei com o Zeno na parede e sem slides fizemos o último ensaio, preparado ou não, era minha hora.

Entrei na sala e vi todos sentados me julgando, pronto para começar, percebo que o audio não funcionava:

- Droga, só faltava essa, minha palestra tem um vídeo no terceiro slide e mais de 3 experiemntos com som.

O Zeno saiu correndo como uma bala para achar os organizadores que sempre muito solicitos e educados vieram tentar me ajudar, infelizmente só o técnico poderia resolver, a sala estava totalmente lotada e já tinha passado de 4 minutos de atraso do começo. Para vocês isso pode soar como um atraso relevante, mas o HTML5devconf tinha mais de 6 trilhas SIMULTÂNEAS! Ou seja, todo mundo já ficava normalmente trocando de uma sala para outra, imagina com uma palestra que não começava. Assim um dos organizadores me sugeriu em tom irônico (sem maldade) eu fingir os sons do vídeo com a boca, adorei a estratégia.

- Hi everyone, I’m Bernard De Luna Freire da Fonseca Bittencourt and we are going to talk about CSS ART…… as you can see, I’m not from here, I’m from Rio de Janeiro Brazil and we don’t talk english or spanish there….. this is my first talk in english and it’s a big challenge, so please be kind.

(em portugues)
- Oi pessoal, Eu sou Bernard De Luna Freire da Fonseca Bittencourt e vamos falar sobre CSS ART…. como vocês podem ver, eu não sou daqui, sou do Rio de Janeiro, Brasil e lá nós não falamos inglês ou espanhol…. Essa é minha primeira palestra em inglês e é um grande desafio, então por favor sejam gentis.

O bárbaro foi um cara da platéia gritar do fundo algo parecido com

- You’re doing a great job!

Isso me aliviou uns 200kg, me permitindo chegar ao terceiro slide do vídeo mais tranquilo, só que ainda sem som. Até que tive a sacada de chamar o organizador que havia brincado comigo, apresentando-o para todos e dizendo que ele iria fazer os sons do vídeo pela boca. Pessoal!!! O vídeo era mostrando um pouco sobre o Brasil, algo de 1:30m sem muita emoção, apenas impacto visual e acabou sendo HILÁRIO com o cara fazendo graça com os sons.

Logo após o técnico chegou, acertou o áudio e era só dar sequencia.

Resumo da palestra:

- Depois de anos pude lembrar como é ficar nervoso novamente
- Cometi mais de 3 erros bobos de nervosismo durante uma apresentação, aqueles que comentei sobre minha palestra “DEV no palco” dada no RioJS Conference.
- Depois de muitos ensaios, o meu estilo de dar palestra não foi prejudicado pelo inglês, isso só foi possível graças aos ensaios e feedback de amigos.
- Se aqui no Brasil os meus slides já chamam atenção por serem diferentes, lá chamou mais ainda e a galera riu muito na minha apresentação
- Experimento com sons é a coisa mais apaixonantes que tem.
- Consegui porra!

Depois do evento, andava leve, como se tivesse flutuando.

Sobre a conferência

- Organização bem planejada, com regras bem definidas
- Muitos patrocínios, muitos, aqui no Brasil ainda precisamos que as empresas participem mais
- Os palestrantes gringos não estão nem um pouco na frente de nós brasileiros
- Nenhuma novidade no mundo que não estejamos falando e fazendo aqui no Brasil
- Nossos slides são melhores
- Precisamos saber inglês, sei que a mamãe e professora de colégio sempre falaram isso e nunca demos atenção, mas um país é mt pequeno para nossa área
- Muitos brindes dados por apoios e patrocinadores, muitos e muitos.
- As pessoas tratam brindes como brindes, e não como acontece em alguns eventos aqui no Brasil que as pessoas avançam e gritam como se fosse comida e tivessem todos morrendo de fome.
- Tratamento mágico ao sabermos que somos do Brasil, Brasil está super bem cotado lá fora

Depois da conferência, tivemos passeios, visitamos empresas, pontos turísticos, jantamos com Christian Heilmann, almoçamos com Paul Irish, conhecemos enfim o Michael Lancaster (MC Lancaster para os íntimos). E nos divertimos bastante. Algumas coisas legais que fizemos lá:

Entrevista com Michael

Entrevista com Christian Heilmann

DSCN0136

IMG_20130330_102343

IMG_20130330_143318

IMG_20130331_215619

IMG_20130401_094525

IMG_20130401_162541

IMG_20130401_181655

IMG_20130403_094218

IMG_20130403_111515

IMG_20130403_120414

IMG_20130405_102616

IMG_20130405_124725

Obrigado a todos pelas mensagens de apoio! Foi muito importante para mim e espero que essa seja a primeira de outras oportunidades de representar o nosso país com criatividade e alegria. Obrigado aos amigos Ciro, Giovanni, Juarez, Leo, Michael e Zeno. Sem vocês eu não tinha conseguido, agradeço de coração.

“Dog eating mango” para todos voces!